Horários, preços e história do Jardim Zoológico de Lisboa

Horários do Jardim Zoológico de Lisboa

    Aberto todos os dias
    Horário de 21 de setembro a 20 de março 2019
    10:00 às 20:00 (último bilhete e última entrada 17:15).
    De 21 de março a 20 de setembro 2019
    09:30 às 19:00 (último bilhete e última entrada 18:45).

Morada: Praça Marechal Humberto Delgado. 1549-004 Lisboa.
Ligação ao sítio oficial

Preços do Jardim Zoológico de Lisboa

    – Até 2 anos Grátis.
    – 3 aos 12 anos 14,50 euros.
    – 13 aos 64 anos 21,50 euros.
    – 65 ou mais anos 16,00 euros.
    — Nota: O bilhete do Jardim Zoológico inclui TODAS as Apresentações e Atrações, exceto o Comboio do Zoo. Esta atração não está incluída no valor do bilhete de entrada no Jardim Zoológico. O bilhete para o Comboio do Zoo apenas pode ser adquirido no local, uma vez que o comboio poderá estar reservado para festas de aniversário. Não é aconselhável a utilização do Comboio do Zoo por pessoas com mobilidade reduzida.

História do Jardim Zoológico de Lisboa

Inaugurado em 1884, o Jardim Zoológico de Lisboa foi o primeiro parque com fauna e flora da Península Ibérica. Foram vários os seus fundadores – Dr. Pedro Van Der Laan, José Thomaz Sousa Martins e o Barão de Kessler – que contaram com o apoio de várias personalidades, o Rei D. Fernando II e o zoólogo José Vicente Barboza do Bocage.
As primeiras instalações situaram-se no Parque de São Sebastião da Pedreira, que foi cedido gratuitamente pelos seus proprietários.
Mais tarde, o parque mudou-se para a Palhavã e a 28 de maio de 1905, foram inauguradas as novas e definitivas instalações na Quinta das Laranjeiras. No dia 12 de março de 1913, o Jardim Zoológico foi declarado Instituição de Utilidade Pública.
As inúmeras remessas de animais vindos de África e do Brasil contribuíram para que, ao longo dos anos, o Jardim Zoológico tivesse uma das coleções de animais mais vastas e diversificadas do mundo.
Destacaram-se, na realidade, alguns governadores das ex-províncias ultramarinas no contributo para o enriquecimento da coleção zoológica com exemplares de espécies exóticas, pouco conhecidas e muito atrativas.
Em 1952, a Câmara Municipal de Lisboa galardoou o Jardim Zoológico com a Medalha de Ouro da Cidade.
A queda do Estado Novo em 1974 e a consequente independência das antigas colónias em África, significou a quebra do forte apoio prestado ao Jardim Zoológico pelas autoridades na diversificação e renovação da coleção animal.
Por esta altura, o número de visitantes também diminuiu de forma substancial e ocorreram cortes radicais dos subsídios estatais.
Assim, foi necessário desenvolver e implementar uma nova estratégia de gestão para o Jardim Zoológico, adequando-o aos valores e necessidades da época.
Em 1990, a nova política de gestão adoptada por Félix Naharro Pires, que entretanto tomou posse como Presidente do Jardim Zoológico, teve por objetivos a modernização das instalações existentes, assim como dos serviços.
Deste modo, foram criadas áreas de trabalho específicas com objetivos próprios, para melhorar a coleção e o bem-estar animal, a sua alimentação e os cuidados médico-veterinários.
Em paralelo, foram criados os serviços comerciais, marketing, relações públicas e imprensa, de modo a dinamizar o Parque como parceiro privilegiado das empresas.
Promover a educação para a conservação junto do público visitante foi, também, uma das principais preocupações, que rapidamente mereceu a criação de um serviço próprio, o Centro Pedagógico.
Atualmente o Jardim Zoológico representa o papel de educador, com a vantagem de possuir uma das melhores salas de aula do país, cuja coleção animal, espaço e atividades proporcionam uma aprendizagem atraente e eficaz.
Contacto com os golfinhos, durante o ATL no Jardim Zoológico.
O Jardim Zoológico deixou de ser uma montra de animais para assumir um papel ativo na proteção e conservação da Natureza. A melhoria das instalações para os animais permitiram o aumento da taxa de natalidade.
O Hospital Veterinário inaugurado em 2008, foi considerado o melhor da Europa, pela EAZA – Associação Europeia de Zoos e Aquários.
Hoje em dia, o Jardim Zoológico está diferente, tem uma nova missão e uma nova mensagem. Apresenta novas atrações e instalações. O Jardim é um espaço onde aliada à conservação e à educação está uma forte componente de entretenimento e diversão.
Neste novo Zoo habitam cerca de 2000 animais num conjunto de aproximadamente 300 espécies, entre mamíferos, aves, répteis e anfíbios.
Fonte: Sítio do Jardim Zoológico de Lisboa

 

    Veja também:

  1. Atrações em Lisboa
  2. Monumentos e museus em Lisboa
  3. Monumentos e museus em Portugal
Transferes e tours em Lisboa

O seu transfere e tour privado em Lisboa 24/7 todo o ano. Transferes e tours privados com carros, minivans, minibus e autocarros de turismo.

E-mail: info@fernandolopes.pt

Telemóvel: +351 969 550 167

Telefone: +351 211 315 522

Whatsapp: +351 969 550 167

Reserve o seu quarto de hotel em Lisboa.

Quartos de hotel em Lisboa em promoção.


Booking.com

Agência de Viagens e Turismo a operar em Lisboa, Portugal

Registo no Turismo de Portugal
R.N.A.V.T. : 5266